Olá! Graça e paz!

Estou de volta com mais um pedacinho do livro e espero que você tenha gostado da primeira parte. São textos muito bons que nos fazem refletir sobre algumas coisas que precisamos para caminhar melhor na nossa vida de adoração a Deus.

Então, vamos lá!

“Ter a mente de Cristo Jesus, pensar seus pensamentos, compartilhar seus ideais, sonhar seus sonhos, pulsar com seus desejos, substituir nossas reações naturais em relação às outras pessoas e situações pelo interesse de Jesus; e, ainda assumir o sistema mental de Cristo tão completamente que “A vida que agora [Filho] vivo no corpo, vivo-a pela fé no [Filho] de Deus, que me amou e se entregou por mim” (Gl 2.20). Tudo isso não é o segredo ou o caminho para a transparência. É a própria tranparência.

Muitas vezes nossa preocupação com os três desejos humanos mais básicos – segurança, prazer e poder – é o manto que encobre a transparência. A infinita luta para ter dinheiro suficiente, bons sentimentos e prestígio rende uma colheita rica de aflição, frustação, desconfiança, raiva, ciúme, ansiedade, medo e ressentimento. Esses poderosos desejos amparados pela emoção causam 99% do sofrimento auto-infligido e desnecessário em nossa vida. Eles focalizam continuamente nossa atenção no “eu” e nos impedem de ser transparentes, ofuscando a luz e obscurecendo “a glória de Deus na face de Cristo” (2Co 4.6).

Desde o início de seu ministério público, Jesus elevou a mente de seus ouvintes para além do nível do desejo básico eos advertiu para não se distraírem pelo excessivo interesse das coisas materiais:

Portanto, não se preocupem, dizendo: “Que vamos comer?” ou “Que vamos beber?” Pois os pagãos é que correm atrás dessas coisas; mas o Pai celestial sabe que vocês precisam delas. Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça,e todas essas coisas lhe serão acrescentadas. Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal. (Mateus 6. 31-34)

No simbolismo bíblico, o coração é o olho do corpo. Os olhos ansiosos, agitados, embaçados de muitos cristãos representam as manifestações de um coração anuviado pelas preocupações deste mundo. Os olhos límpidos de outros irradiam a simplicidade e a alegria e um coração fixo em Jesus Cristo, a Luz do mundo.”

Fica na paz!

Maria Amélia

Anúncios

Sobre Maria Amélia

Sou esposa e mãe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s