espelho

Estava em um culto em nossa igreja e uma frase me chamou muito a atenção na mensagem: “O que faz a diferença em uma vida não é sua aparência, mas seu alicerce”  (Jerônimo Jr.)

Essa frase fazia referência àquele texto das Escrituras sobre a casa que fora construída sobre a areia e a que fora construída sobre a rocha:

Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha. E aquele que ouve estas minhas palavras, e não as cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda. (Mt. 7. 24-27)

Aquela frase é daquelas que vale como reflexão principalmente diante de  uma sociedade que dá  importância demasiada à aparência, ao exterior, ao que parece ser.

As pessoas são medidas pela roupa que vestem, pelo carro que dirigem, pelo celular que usam, pela casa que moram, pela beleza física exterior, ou seja, vivemos em uma sociedade muito fútil, somos manipulados sem percebermos e agimos de acordo com esse tipo de expectativa.

As pessoas são levadas a acreditar que pra serem felizes têm que estar enquadradas nesse tipo de parâmetro insano que as faz de robôs manipulados pela mentalidade que diz:  “Sou importante se me considerarem importante”, e aí elas correm atrás não dos seus ideais, mas dos ideais dos outros, que por sua vez correm atrás dos ideais de outros e ninguém sabe onde começou.

Parece meio louco, é verdade, mas é isso mesmo que é.

As pessoas vivem a vida toda em função do objetivo de ter aparência, de parecer ser ou ter; não estou falando sobre a realidade de ser ou de ter, mas sobre o desejo intenso de mostrar; de estar na vitrine.

Quando paro pra pensar sobre isso, fico imaginando sobre o alicerce que sustenta minha vida e se não é o mesmo dessa sociedade: Um alicerce tão fraco e ao mesmo tempo tão forte no subconsciente das pessoas que são poucas que arriscam a viver diferente.

Na hora da dificuldade só aquelas que verdadeiramente sabem da verdade, terão como permanecer firmes diante do “apertar do botão do controle remoto” da sociedade e continuarão a agir de acordo com essa Verdade.

“O que faz a diferença em uma vida não é sua aparência, mas seu alicerce”.

Imagem: http://www.poemasecores.com

About these ads

»

  1. Vinicius Souza disse:

    muito bom o texto Maria.. saudades disso aqui..realmente as pessoas se esqueceram da unica verdade absoluta da vida.. desprezaram o unico sentido da vida direcionado por I Col 1:16-17 .. se a nossa vida foge D’Ele como centro..é pq a própria vida fugiu de nós.. Saudades do teus coments..Beijus e Paz

    Vinicius S.
    geracaoquevive.com

  2. Nathalia disse:

    Excelente!!!

  3. peguei seu espelho emprestado, tem problema?

  4. Maria Amélia disse:

    Nenhum. Não é meu. rsrsrs

  5. Eronildo disse:

    Linda a msg

  6. ana paula disse:

    o Ser humano já não exegar nada maias do estatus.

  7. JOSE AIRTON disse:

    Gostei muito do seu comentário, como tema “sociedade de parência” não deixa de ser uma reflexão absolutamente cristã, de fato é um texto muito interessante. A biblia compara realmente, através de fábulas no sentido figurado, daqueles cristãos que alicerçam a vida em Deus, comparado á rocha, e dos que vivem de aparencia comparada á aréia.

    Pois bem, verdadeiramente a economia move o mundo, ninguém viveria sem nenhum centavos no bolso, é isso, o capitalismo e a publicidade que é a alma do negócio, tantas vezes nos atraiu e nos seduziu. Assim, usaria voçê a pior, roupa, ? compraria o pior carro? o pior cósmético?

    As propagandas hipercosumistas incorporam na sociedade uma falsa felicidade e lhe oferta contidianamente uma nova forma de viver, ter,
    pensar e existir. Desperta desejos de consumir mais e mais, isso mesmo, (TER). O difdícil de tudo isso é voçê educar seus filhos com outra visão totalmente oposta. Porquer, pensar diferente seria voçê educa-los fora dos padrões dos modelos “big brotheres” ou “holliwoodianos”. O siatema é cruel e esmagador, nos traz ociosidade e anciedade, isto é péssimo. Podemos viver sem ambição, sem sonhos e sem realizações,? Pensar contrário nao seria ir de encontro com o sistema, seria pensar neuroticamente ao extremo? Entao, faria seu filho vitima dessa copetitividade global? Naõ tem como inplantar na sociedade alienada uma outra visão, porquer estão totalmente seduzidas pelo consumismo de sempre ter mais e mais e mais é um gozo sem gozo…

    Percebo que encontrou sua forma particular de pensar, ser e viver, distante de tantas ofertas, nas ruas, nos shopinguins, propagandas, restaurantes, conseguiu sair da verdadeira “ILUSÃO DAS APARÊNCIAS:”? Agora, não compreende mais o profano. Porque, econtraste a verdade e a verdade te libertou, clareou sua visão, parabéns!

    .Quando voçê valoriza mais o ser, certamente estar mais próximo da verdade do que é real, eterno e imutável. O própria palavra já desmascara o mascarado ” aparência” portanto é inverdade, simulação, mutavel e motal, Tavez, antes descatou, excluiu, julgou por aparência. Afinal, és uma parcela da sociedade e muitas vezes sutilmente sem aperceber-se. Não poderia te excluir desse mundo profano, selvagens e esmagador, Seria voçê capaz de viver fora desses sitomas sociais? É muito dificil passar para fora desse capitalismo selvagem, pensar diferente e ser protestante das idéias e ideologias.Tirar a velha ropagem, se revelar e SER. Mas, o problema já estar edificado, é muito complexo, nos deixa confuso e ociosos.

    José Airton

  8. Maria Amélia disse:

    Bom comentário. É sempre válido procurarmos analisar nossa vida à luz das Escrituras. Jesus sempre será a bússola que norteia a nossa mente nesse mundo confuso e manipulador. Paz!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s